Porto Alegre, terça, 30 de novembro de 2021
img

Inverno incrementa vendas no comércio de Caxias do Sul; Jornal do Comércio

Detalhes Notícia
Itens de cama, mesa e banho, como os cobertores, são os com maior procura durante a estação mais fria /ANTONIO PAZ/ARQUIVO/CIDADES

Dias ensolarados com baixas temperaturas. Esta é a fórmula ideal para incentivar as vendas no comércio caxiense na estação mais fria do ano. Com o intuito de compreender o impacto do inverno na economia local, a CDL Caxias do Sul realizou, pela primeira vez, um levantamento sobre o tema. A pesquisa identificou que frio incrementa o faturamento das empresas em 24,74% em relação às outras estações do ano.

Entre os principais fatores para este crescimento estão as trocas de coleções e a sazonalidade de alguns produtos, comercializados especificamente no período. A amostragem feita pelo Núcleo de Informações de Mercado da entidade foi promovida entre os dias 9 e 13 de julho, com associados nos segmentos de vestuário e calçados, cama, mesa e banho, utilidades domésticas, eletrodomésticos e alimentos e bebidas.

Dentre os setores entrevistados, o de cama, mesa e banho tem a maior média de acréscimo no faturamento provocado pelo inverno, com alta de 35%, seguido dos segmentos de vestuário e calçados (28%), de eletrodomésticos (23%) e de bebidas e alimentos (16,25%). Mais da metade (60%) dos participantes afirmaram que o fato das pessoas estarem mais em casa por conta da pandemia tem ajudado a incrementar as vendas, enquanto 30% tiveram queda nas comercializações e para 10% das empresas permaneceu igual ao período que antecedeu a Covid-19.

Leia mais no Jornal do Comércio