Porto Alegre, segunda, 20 de setembro de 2021
img

RS: Federarroz lamenta morte de Breno Prates, fundador da federação; por Gil Martins/Acústica FM

Detalhes Notícia
Prates foi um dos organizadores da primeira Abertura Oficial da Colheita do Arroz.

Morreu nesta quinta-feira (29), Breno Pinheiro Prates, um dos fundadores da Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz). A morte foi lamentada por produtores gaúchos, que viram Prates idealizar a primeira Abertura Oficial da Colheita do Arroz no Rio Grande do Sul.

Primeiro presidente da Federarroz, Prates também atuou como presidente do Conselho Consultivo da Federarroz, entre 2016 e 2019, na gestão do então presidente da entidade, Henrique Dornelles. Breno era considerado um defensor da categoria, tendo participação em decisões importantes que envolveram os arrozeiros gaúchos.

Produtor rural por quase duas décadas, Prates também foi empresário do setor de comércio e prestação de serviços agrícolas. Também atuou como produtor de programa de rádio voltado ao agronegócio na capital do estado.

No início da tarde desta quinta-feira (29), a Federarroz divulgou uma nota oficial sobre a morte de Breno Prates:

[NOTA DE PESAR] A Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz) lamenta com profundo pesar o falecimento de Breno Prates, fundador e primeiro presidente da entidade, ocorrido nesta quinta-feira, dia 29 de julho. Atuou como presidente do Conselho Consultivo da Federarroz, entre 2016 e 2019, na gestão do presidente Henrique Dornelles. Foi um líder visionário que lutou com muita determinação pelo reconhecimento da classe arrozeira, trabalhando em épocas difíceis no enfrentamento de questões importantes para o setor.

O presidente da Federarroz, Alexandre Velho, lembra que Breno Prates sempre prezou pelo diálogo e foi um guerreiro em busca dos anseios da lavoura arrozeira. “A todo o momento se mostrou prestativo e disponível para conversar e aconselhar a minha diretoria”, enfatiza.

Breno Prates foi um dos organizadores da primeira Abertura Oficial da Colheita do Arroz, que ocorreu em 19 de março de 1988, na Granja Irmãos Temp, em Alegrete (RS). Na época, era o presidente da Associação dos Arrozeiros do Município. O evento foi o embrião para a formação da Federarroz.