Porto Alegre, domingo, 14 de agosto de 2022
img

Maior acionista e crítico, governo recebe mais R$ 8,8 bilhões do lucro da Petrobras; InfoMoney

Detalhes Notícia
Cifra faz parte de um total, já anunciado este ano, de R$ 32 bilhões em dividendos que serão pagos até julho ao governo. Fachada da sede da Petrobras, no Rio de Janeiro (FOTO ANDRÉ MOTTA DE SOUZA/AGÊNCIA PETROBRAS)

 

 

Apesar das críticas ao lucro da Petrobras (PETR3;PETR4) já feitas pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), o governo federal está entre os maiores beneficiários dos resultados financeiros da petroleira. Nesta segunda-feira (20), a União receberá mais uma parcela, de R$ 8,8 bilhões, do lucro da estatal. A cifra faz parte de um total, já anunciado este ano, de R$ 32 bilhões em dividendos que serão pagos até julho ao governo, maior acionista da companhia.

Entre 2019 e 2021, a União já tinha embolsado em dividendos outros R$ 34,4 bilhões, a valores atualizados, segundo levantamento de Einar Rivero, da TC/Economática.

Quando se somam, ao lucro destinado à União, os impostos e os royalties, a Petrobras injetou nos cofres federais R$ 447 bilhões de 2019, início do governo Bolsonaro, a março deste ano, conforme dados dos relatórios fiscais da companhia.

Leia mais em InfoMoney