Porto Alegre, segunda, 04 de dezembro de 2023
img

Defesa Civil de Canoas atende população em áreas ribeirinhas

Detalhes Notícia
Família precisou ser resgatada da Praia do Paquetá. Foto: Guilherme Pereira / PMC

 

 

A Defesa Civil de Canoas segue atendendo as ocorrências decorrentes da situação de cheia dos rios na cidade. Na manhã desta segunda-feira (20), na região da Praia do Paquetá, uma equipe de agentes, em conjunto com o Corpo de Bombeiros, esteve de barco na região mais afetada pela cheia do Rio dos Sinos.

Uma família, composta por dois adultos e uma criança, foi resgatada de um imóvel. “Desta vez a água veio furiosa. A cheia foi dentro de casa e ficamos uns 30 centímetros para inundar a porta totalmente. Não me lembro de uma outra vez que foi tão alto”, afirma o morador José Pires Alves, 62 anos. Ainda deixaram a residência a esposa, de 47 anos, e o filho, de 9 anos.

Além da Praia do Paquetá, as áreas da rua da Barca, Fazendinha e rua Berto Círio também foram atingidas pela cheia do Sinos. Há casos também de alagamentos na rua Hermes da Fonseca, no bairro Rio Branco, na rua General Sebastião Barreto, no bairro Niterói, e uma fina lâmina de água cobre parte da rua Antônio Wobeto.

As situações observadas no Niterói são decorrentes da cheia do Rio Gravataí. Ainda na manhã desta segunda-feira, outra equipe da Defesa Civil retirou uma idosa de 90 anos, de uma residência atingida pela água na rua General Sebastião Barreto.

O acompanhamento das condições climáticas no município é feito em tempo real pelo Escritório de Resiliência Climática (Eclima). Até o fim da manhã desta segunda, 25 pessoas estavam desabrigadas e foram conduzidas ao ginásio da EMEF Thiago Würth.

Emergências

Casos de emergência relacionados à cheia podem ser comunicados à Defesa Civil pelos telefones (51) 3476-3400 e (51) 99322-5764, assim como ao Corpo de Bombeiros, pelo 193.

A Guarda Municipal (GM) de Canoas também está de prontidão no telefone 153, enquanto que os transtornos em vias podem ser comunicados à Diretoria de Trânsito, pelo 156.

Os ginásios das EMEFs Paulo VI (Av. Irineu Carvalho Braga, 2781, Fátima) e Thiago Würth (Av. Rio Grande Do Sul, 4240, Mathias Velho) recebem eventuais famílias desabrigadas ou desalojadas.