Porto Alegre, sábado, 13 de julho de 2024
img

RS: Pesquisa no aplicativo Menor Preço pode gerar economia na compra do material escolar

Detalhes Notícia
Além de encontrar promoções, ferramenta indica estabelecimentos mais próximos ao consumidor. Foto: © Rovena Rosa/Agência Brasil

 

 

Com a volta às aulas se aproximando, o aplicativo Menor Preço Nota Gaúcha pode ser uma ferramenta importante para economizar na compra de material escolar, que apresenta uma variação significativa de preço nos estabelecimentos comerciais. Segundo levantamento do Departamento do Consumidor (Procon-RS) em janeiro, uma lista de itens pode apresentar uma diferença de até 1.500% entre o menor e o maior valor de mercado.

Desenvolvido pela Receita Estadual e pelo Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio Grande do Sul (Procergs), o aplicativo é gratuito e permite que o consumidor pesquise, por meio de filtros, o preço mais baixo praticado pelo comércio para cada item da lista de material escolar. Um desses filtros é a busca por lojas próximas, num raio de um a 30 quilômetros, o que ajuda a reduzir o custo de deslocamento e a fortalecer o comércio local.

O Menor Preço também oferece a opção de busca por data, pesquisa que mostra quando o estabelecimento ofereceu o preço encontrado. Ao clicar no resultado, o usuário tem acesso ao endereço e ao telefone da loja, o que pode ajudar a confirmar o preço praticado e evitar deslocamentos desnecessários.

Para o coordenador do programa Nota Fiscal Gaúcha (NFG), Fernando Santos, a ferramenta pode ser decisiva na tomada de decisão durante as compras de itens que demonstram grande volatilidade de preço. “Além de contribuir para que os gastos das famílias caibam nos seus orçamentos, o aplicativo oferece opções mais próximas ao local onde está o usuário, evitando custos extras e otimizando a escolha do consumidor”, avalia Santos.

Salto de 215% em usuários ativos

Lançado em 2019, o Menor Preço é uma ferramenta vinculada ao NFG que fortalece o relacionamento entre Estado e cidadão, promove a transparência dos dados públicos e melhora a experiência de consumo por meio de serviços digitais. Os dados do aplicativo são atualizados em tempo real com base nas informações das Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e) e das Notas Fiscais de Consumidor Eletrônicas (NFC-e) emitidas pelas empresas participantes do NFG.

Em 2023, o aplicativo processou mais de 19 milhões de consultas – um aumento de 25% em relação ao ano anterior. De acordo com os dados de registro, a maior parte das pesquisas é direcionada para alimentos (com destaque para leite e carne) e medicamentos. O número de usuários ativos do Menor Preço também deu um salto expressivo no ano passado, chegando a 176 mil consumidores que usufruem da ferramenta – um aumento de 214% em relação a 2022.

Passo a passo para utilizar o aplicativo Menor Preço

  1. Baixe o aplicativo Menor Preço Nota Gaúcha, disponível nas plataformas Android e iOS. Para a utilização dos serviços, é necessário o cadastro no programa Nota Fiscal Gaúcha, o que pode ser feito por qualquer cidadão que tenha CPF.
  2. Informe o produto que deseja pesquisar por meio da descrição, da marca ou do código de barras.
  3. Filtre os resultados pelo raio máximo de distância da sua localização e pela data que o preço foi praticado.
  4. Encontre os menores preços mais próximos. Como o mecanismo mostra o preço de acordo com a última nota de venda do produto emitida com CPF pelo estabelecimento, é importante verificar a data e o horário em que a nota foi processada.