Porto Alegre, terça, 23 de abril de 2024
img

Canoas: Cadastro para Saque Calamidade do FGTS por pessoas atingidas pela cheia registra 144 interessados

Detalhes Notícia
Foto: Gabriel Abreu

 

 

A Defesa Civil de Canoas realizou o total de 144 cadastros de moradores afetados pelas cheias de novembro do ano passado e que demonstraram interesse no Saque Calamidade do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Ao longo de uma semana, o órgão municipal abriu possibilidade para a inscrição dos dados, inclusive por meio de força-tarefa com agentes indo para as regiões afetadas pelo evento climático extremo.

Com o envio dos cadastros pela Defesa Civil, na tarde desta terça-feira (27), para a Caixa Econômica Federal, agora será feita a avaliação por parte da entidade bancária. O benefício poderá ser sacado pelos trabalhadores atingidos que possuem saldo de FGTS à disposição em conta. A partir da liberação aprovada, o saque poderá ser feito mediante solicitação via aplicativo ou na agência da Caixa mais próxima.

Para quem teve danos com tempestade de janeiro

Ainda está em andamento o cadastro por meio de formulário online aos canoenses atingidos durante o temporal do último dia 16 de janeiro. O prazo para manifestar o interesse e comprovar danos com as fortes chuvas e vendaval encerra no dia 8 de março.

“Os envios desses cadastros serão feitos por lotes para Caixa. O primeiro ocorre até o dia 1º de março e é voltado aos moradores atendidos com telhas. Esse grupo não necessita realizar novo cadastro. Entre os dias 2 e 8 de março é a vez dos demais canoenses interessados em sacar o saldo”, explica o secretário adjunto do Escritório de Resiliência Climática (Eclima) de Canoas, Igor Sousa.

Os canoenses interessados que não tiverem comprovante de residência do local atingido, que não conseguirem cadastrar imagens ou finalizar o cadastro, podem comparecer presencialmente na sede da Defesa Civil (rua Bandeirantes, 450, bairro Nossa Senhora das Graças).