Morre Edson Moiano. Corpo do jornalista será velado no Cemitério São Vicente, de Canoas

Morre Edson Moiano. Corpo do jornalista será velado no Cemitério São Vicente, de Canoas

Destaque Obituário

Faleceu na manhã desta segunda-feira Edison Moiano, formado pela Famecos/PUC. Moiano era homem de posições fortes, profissional ético e querido pela categoria, Também advogado, trabalhou a maior parte da vida profissional na Rádio Guaíba e no Correio do Povo. Seu corpo será velado no Cemitério São Vicente, de Canoas, em horário a ser definido. Em nota, o Sindicato dos Jornalistas(SINDJORS) lamenta a morte de Moiano e se solidariza com seus familiares e amigos. (Sindjors)

Morre JB Schüler, o Johnny Megaton da Rádio Continental

Morre JB Schüler, o Johnny Megaton da Rádio Continental

Destaque Obituário

Morreu hoje em Florianópolis(SC),  João Batista Schüler (67 anos), uma das grandes vozes do rádio e locução comercial do Brasil. Ele iniciou seu trabalho em rádio, na década de 1970. Ficou conhecido pela voz potente e por ser um dos responsáveis pelo sucesso da Rádio Continental, com seu personagem “Johnny Megaton”.  Segundo o jornalista Claudio Moretto, que conviveu com Schüler, no período de Rádio Gaúcha, ele havia se submetido a uma cirurgia de emergência, na recuperação contraiu uma bactéria, que provocou uma pneumonia, causa da morte. Desde 1992, JB Schüler era o locutor de programação na RBS TV Florianópolis.  Durante um tempo, a partir de 2009, era ele que o público escutava apresentar o cantor Roberto Carlos em seus shows. Para se preparar para as locuções, Schüler dizia que não precisava de muito. Basta o microfone e o computador. “Posso tomar bebida gelada, tudo. Sem problemas. A única coisa que cuido é com ar condicionado que não esteja limpo. Isso prejudica muito a voz. De resto, nada me preocupa”, ria.

O corpo de JB Schüler deve ser velado e sepultado em Florianópolis, onde viveu nas últimas três décadas. (Com informações da NSC)

Porto Alegre: Jornalista é encontrado morto dentro de apartamento. Carol Majewski foi localizada pelo filho na noite dessa segunda-feira; por Jézica Bruno/Correio do Povo

Porto Alegre: Jornalista é encontrado morto dentro de apartamento. Carol Majewski foi localizada pelo filho na noite dessa segunda-feira; por Jézica Bruno/Correio do Povo

Comunicação Destaque Obituário Segurança

ERREI

*Nota do Editor: Durante parte do dia, colocamos no ar equivocadamente a foto do primo (homônimo) do jornalista Carol Majewski. Pedimos desculpas a ele, família e amigos pelos transtornos causados devido a identificação errada.

 

=================================================================================================================================================================================

O jornalista Carol Majewski, de 52 anos, foi encontrado morto dentro do apartamento em que residia, no Centro de Porto Alegre. A vítima foi localizada pelo filho por volta das 21h30, na noite dessa segunda-feira (16). O imóvel está localizado na rua Riachuelo.

De acordo com a Brigada Militar, o filho de Majewski foi procura-lo após tentativas de contato sem sucesso durante o dia. Quando chegou ao apartamento, após não obter respostas ao bater na porta, abriu o local e encontrou o homem morto. O jornalista apresentava ferimentos feitos com faca pelo corpo. Ele morava sozinho no local.

Segundo a Brigada Militar, até o final da noite ainda não havia informações de testemunhas sobre algum suspeito de envolvimento no crime.

 

 

Morre Dolores O’Riordan, cantora do grupo The Cranberries

Morre Dolores O’Riordan, cantora do grupo The Cranberries

Destaque Obituário Vídeo

 

A cantora Dolores O’Riordan, do grupo The Cranberries, morreu “de repente”, nesta segunda-feira, em Londres, anunciou a produtora da artista. “A cantora do grupo irlandês The Cranberries estava em Londres para uma curta sessão de gravação”, afirmou a agência que a representa, Lindsey Holmes Publicity, em um comunicado. A causa da morte da artista, que tinha 46 anos, ainda não é divulgada. (Correio do Povo, com AFP)

Morre aos 55 anos reitor do IFRS, vítima de câncer

Morre aos 55 anos reitor do IFRS, vítima de câncer

Destaque Educação IFRS Obituário Osvaldo Casares Pinto
 Morreu, na manhã de hoje, o reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), Osvaldo Casares Pinto. Vítima de câncer, o professor tinha 55 anos, era natural de Rio Grande e deixa a esposa, Carmen Lenira de Ávila Pinto, com quem era casado há 30 anos.

O IFRS decretou três dias de luto oficial, mas seguem mantidas as provas do processo seletivo da instituição, marcadas para este domingo.

Os atos fúnebres ocorrem no átrio da Reitoria do IFRS, em Bento Gonçalves, a partir das 16h deste sábado. Em Rio Grande, cidade natal de Casares, as despedidas ocorrem neste domingo, no anfiteatro Earle Barros do Campus Rio Grande.

Graduado em engenharia civil (1986) e matemática (1988) pela Universidade Federal do Rio Grande (Furg), o professor tinha especialização na área de engenharia civil (1989) pela Furg, mestrado (1993) e doutorado (1999) na mesma área pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Há 34 anos, Casares era docente da rede pública federal. (Rádio Guaíba)