Porto Alegre, terça, 09 de agosto de 2022
img

Relatório da Fepam aponta sete pontos impróprios para banho no Estado

Detalhes Notícia

O Rio Grande do Sul possui sete pontos impróprios para quem deseja se refrescar no verão. É o que aponta o boletim da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam), divulgado nesta sexta-feira (10), mostrando a situação de balneabilidade de 92 locais no Estado, entre balneários e praias.

De acordo com a Fepam, Balneário Fernando Schilling (Jaguari), Lagoa do Peixoto (Osório), Balneário Valverde (Pelotas), Balneário Santo Antônio (Pelotas), Balneário dos Prazeres (Pelotas), Praia das Nereidas (São Lourenço do Sul) e Balneário Rebelo (Tapes) são os pontos não indicados a banhistas.

Leia mais no Jornal do Comércio