Porto Alegre, terça, 19 de outubro de 2021
img

China vai reprimir 'estilos afeminados' na TV; BBC

Detalhes Notícia
Estreia do filme 'Chinese Doctors', um tributo à fundação do Partido Comunista chinês; autoridades têm aumentado cerco à indústria do entretenimento CRÉDITO,GETTY IMAGES

 

 

A agência reguladora de rádio e TV na China afirmou que vai banir a estética “afeminada” em programas de entretenimento, alegando que “influências vulgares” devem ser evitadas no país. Trata-se de mais uma iniciativa em fechar o cerco ao que a Agência Nacional de Rádio e TV (NRTA) descreve como “conteúdo insalubre” na programação chinesa.

A entidade, que tem status de ministério, declarou que critérios de conduta moral e política devem ser incluídos na seleção de pessoas a figurarem em programas, e alguns programas de competição de talentos foram vetados.

Além disso, as autoridades midiáticas locais prometeram promover o que definiram como imagens mais masculinas de homens, criticando celebridades masculinas que usam muita maquiagem.

Leia mais em BBC